• blog mineiro

Tiago Theisen e seu legado para a educação do RN

Em uma época em que o Brasil vivia uma cruel realidade sob o comando de ditadores, na década de 1960, padre Tiago Theisen fez revolução através da educação. Na zona Norte de Natal, alfabetizou mais de 40 mil crianças. A opção especial pelos pobres, contra sua pobreza e pela justiça social significa até os dias de hoje a verdadeira libertação. Padre Tiago morreu nesse sábado, aos 90 anos. Em terra, deixa um imensurável legado de amor ao próximo.





Pelos jardins que o padre fundou, principalmente na zona Norte d oeste de Natal, passaram muitas crianças que hoje são educadores, diáconos, advogados, políticos e muitos outros. De 1973 a 2017, foram atendidas mais de 42.602 crianças. Um número considerável desses alunos participa hoje de trabalhos sociais e de evangelização.


Chegando ao Brasil, em 1968, para desenvolver sua ação pastoral, o padre belga observou que havia um grande número de crianças e, por outro lado, não existia acompanhamento educacional. Surgiu a iniciativa de criar os Jardins de Infância para as crianças na fase pré-escolar. Uma das meninas alfabetizadas em seu jardim foi a vereadora de Natal, Divaneide Basílio. “Eu aprendi a ler graças a ele, fiz aula de dança, de ballet. Ele tinha um olhar muito atento às crianças pobres e eu fui uma delas”, declarou Divaneide, emocionada, ao Blog.


Ao ajudar os mais necessitados, Padre Tiago desafiou a própria Igreja. Durante o século passado, a instituição viveu tempos “frios”. Foram tempos de controle doutrinário rigoroso, de censuras e de proibição de introduzir novidades na Igreja e na teologia.


Com os seus Jardins, padre Tiago foi de encontro a realidade política e da própria Igreja, mas seguiu à risca o princípio de amor ao próximo.


“As mãos que trabalham valem tanto quanto as mãos que oram. Ou até mais”.


Tiago Theisen (1930-2021)

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Instagram